sábado, 23 de abril de 2011

Ilustrador: Venceslau Hollar

Nascido em Praga, Venceslau Hollar produziu desenhos super detalhados que deram início à ilustração de moda. Sua relação com o tema é também sua relação com o universo feminino, em descrições do cotidiano e do modo de vida e de vestir do século XVII. Mesmo sendo quase cego de um olho, Hollar produziu um total de 2700 gravuras em sua vida.

Em 1636, foi morar em Londres, estabelecendo-se como desenhista. Em 1645, Durante a Guerra Civil da Inglaterra, mudou-se para Antuérpia, onde produziu uma série de 41 gravuras de conchas, estudadas a partir de espécies tropicais, a maioria do Sudeste da Ásia e alguns do Caribe. As peças foram trazidas aos Países Baixos pelos comerciantes e exploradores como parte do "gabinete de curiosidades" de um colecionador desconhecido. As gravuras eram presumivelmente destinadas a um livro que nunca foi publicado, sendo muito raras. Já em 1647 produziu uma ilustração panorâmica de Londres, e foi considerado um dos artistas mais hábeis de seu tempo. Faleceu em 1677.


Em seu preciosismo, Venceslau Hollar destaca detalhes sobre a variedade dos tecidos, peles e caimentos do vestuário feminino da época. Na primeira ilustração (abaixo), Hollar apresenta uma mulher vestida para o inverno rigoroso, com uma série de saias, capuz, máscara, gola e casaco de peles. Esta é uma imagem sensual para a época, evidenciada pela saia levantada – provavelmente para proteger a roupa da lama das estradas –, pelos sapatos delicados, olhar provocante e a frase abaixo da imagem: “Para uma pele mais lisa durante a noite / abraçá-la com mais prazer” (em tradução livre).

Nenhum comentário:

Postar um comentário