terça-feira, 12 de abril de 2011

Arte Ilustre

O desenho é uma linguagem da comunicação, em maioria não verbal que possibilita a expressão de idéias visuais não concretizadas. O desenho de moda pode ser dividido em três modalidades: desenho técnico, croqui e ilustração.

Em uma diferenciação simples, o desenho técnico pretende demonstrar o produto de moda de forma clara e objetiva. A precisão é justificada pelo seu emprego na produção em escala industrial. Já o croqui é a linguagem que o estilista ou designer utiliza para comunicar as suas idéias, suas criações que ainda não foram concretizadas. Já maior liberdade de criação, sem a necessidade de tanto rigor técnico, entretanto deve-se atentar para os detalhes como os tecidos, caimento, etc. Por fim, a ilustração de moda carrega em si os traços do tempo onde está inserida, interpretando sua época e experimentando novas técnicas e conceitos.

Neste blog, vamos fixar no estudo da ilustração de moda, desde os primórdios até os artistas e técnicas atuais. Iniciaremos com o trabalho de Wenceslaus Hollar, que atuou em meados do século XVII, passando pelos colaboradores das principais revistas femininas do século XVIII até os ilustradores da Vogue – como George Barbier, Charles Martin, Paul Iribe, entre outros – que atuaram em meados do século XIX e XX e foram uma das maiores expressões da Art Nouveau na moda.

Boa leitura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário